“Getulina, meu amor” é escolhido Melhor Filme

A I MOSTRA Universitária de Cinema da Unesp terminou na noite da última terça-feira, abrindo um novo leque de opções em torno da sétima arte em Marília

O curta “Getulina, meu amor” com direção de Mirian Simonetti e Robson Janes foi eleito o Melhor Filme da competitiva.

Filmado em 1994, o curta metra­gem de oito minutos, mostra o im­pacto da retirada de 2500 famílias Sem Terra da Fazenda Macuco em Getulina, em 1993.

“Apesar de já ter sido produzido há bastante tempo, nunca havia inscrito-o antes em nenhum outro festival. Foi uma surpresa conquis­tar o prêmio de Melhor Filme”, des­taca a professora Mirian Simonetti, que completa: “O filme mostra a retirada daquelas famílias do acam­pamento. Foi uma logística incrível criada pelo governo, que reuniu policiais masculinos e femininos que chegavam em carros, helicóp­teros e cavalos”.

Recentemente, a aluna Mirian se baseou no curta para uma tese na pós-graduação.

“Esta aluna pegou o vídeo, o di­gitalizou e passou para a internet; alguns alunos viram e inscreveram o vídeo na Mostra. Costumo dizer, que o ‘Getulina, meu amor’ teve vida própria, é como se ele preci­sasse aparecer”, afirma.

A ideia da I Mostra Universitária de Cinema da Unesp surgiu com o objetivo de fomentar a produção e a difusão de obras audiovisuais de alunos e professores da entidade.

Reportagem primeiramente veiculada no” Jornal Correio Mariliense”. Para ler sua íntegra, clique aqui.

Assista o “Getulina, meu amor”, localizado abaixo:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: